TUDO NO UNIVERSO É ENERGIA...
NÓS TAMBÉM.

Nossa prática é harmonizar você com você!

Frequênciais

Com a realização de exames por intermédio da biorressonância, física e/ou eletrônica, pode-se avaliar as intoxicações dos pacientes por metais tóxicos, vírus, bactérias e protozoários.
De posse destes resultados são preparados produtos frequenciais, em uma base de água destilada, prata coloidal, álcool de cereais ou conhaque (para fixar as informações), com frequências inversas das patógenos e toxinas.


Isto para retirar, paulatinamente, tais substâncias tóxicas.
A tal tratamento é adicionado a aplicação do hidrovitalis, equipamento eletrônico que auxilia ainda mais a tirada destes elementos do organismo por intermédio dos poros nas plantas dos pés.  O resultado, água escura, sempre causa admiração dos pacientes.

 

Mais ferramentas

 

Os melhores equipamentos estão aqui.

 

 

 

 

 

pczapper.jpg

PC Zapper II

Muito parecido com a tecnologia aplicada ao RPD – Radiante Plasma Device, descrito à direita – o PC Zapper II também é um emissor de frequências com outro meio de propagação e, portanto, de assimilação pelo paciente.


Dispõe de dois eletrodos – hastes de metal – que o paciente segura com cada uma das mãos por determinado tempo – de acordo com o programa de tratamento e da patologia apresentada.

O princípio é o mesmo da física e da mecânica quântica quando se trabalha com frequências – informações – destinadas a uma série de objetivos, desde desintoxicação simples até estímulos para funcionamento normal de determinados órgãos, vísceras, ou funções, glândulas endócrinas etc.

potentizerII.jpg

Potentizer

A Física Relativa estuda o Universo até a sua mais minúscula partícula: o átomo.
A Quântica vai além, ou melhor, aquém do átomo, em suas partes mais ínfimas.


Descobriu-se que, em cada átomo, o que prepondera é o vazio. E o movimento do elétron em torno do núcleo – prótons e nêutrons – promove uma vibração energética que se expande além de si.
A esta vibração se denomina também de frequência.

Em outras palavras, tudo o que existe no Universo possui e emite uma frequência. De um pedaço de madeira, ao aço, dos complexos organismos como as pessoas até uma ameba, um vírus, um protozoário, determinada substância,  uum metal tóxico etc.


Por intermédio de exames com biorressonância consegue-se avaliar a presença destas substâncias tóxicas e com equipamentos eletrônicos busca-se a emissão de frequências inversas que vão, paulatinamente, limpando o organismo de uma maneira natural e não invasiva de tais substâncias perversas ao organismo.

 

Para isso utilizamos produtos frequênciais – água, prata coloidal e álcool de cerais – e podemos unir e utilizar equipamentos eletrônicos que auxiliam neste tratamento, como o PC Zapper II, ou RPD, que trabalha em nível de plasma, para auxiliar na rapidez da busca dos melhores resultados da desintoxicação.


Depois da detox é que serão ministrados – também frequênciais – produtos que auxiliem na nutrição e na recuperação de uma série de patologias. 

rpd.jpg

RPD - Radiant Plasma Device

Essa máquina – RPD ou Dispositivo de Plasma Radiante, em português – emite uma luz que atua neste nível da matéria, o plasma, que situa-se acima do sólido, líquido e gasoso.

 

Uma lâmpada azul incandescente de forte intensidade vibra constantemente emitindo frequências desejáveis aos tratamentos de acordo com uma programação baseada em protocolos internacionais indicados para uma série de procedimentos – principais ou de apoio – disponíveis para aplicação em variadas enfermidades.
 

Muitos pacientes relatam bem-estar logo em seguida às aplicações.